Amigos corredores

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

Calor forte x corrida: o que fazer?


Estamos passando por um verão sem precedentes, em que as temperaturas superam todas as expectativas.
Acima dos 40 ºC no Rio Grande do Sul, onde contamos com as maiores temperaturas já registradas em mais de 90 anos.
Calor aterrorizador em São Paulo, com registros que superam marcas de mais de 70 anos.
No Rio de Janeiro não está sendo diferente, bem como em quase todo o país.
O que seria isso?
O fim dos tempos? O extermínio das corridas de verão?
A verdade é que a humanidade está colhendo o que vem plantando a muitos e muitos anos.
Esse é o temível preço a ser pago pelo crescimento desordenado e pela falta de conscientização ambiental.
Quem sabe onde chegaremos? Ao menos espero que consigamos chegar sãos e salvos ao final dessa calorosa corrida.

Mas nós, amantes das corridas, não conseguimos ficar extasiados com esse calor todo e sabemos que devemos seguir em frente em nossa meta, que pode ser resumida em devorar distâncias.
No entanto, não podemos sair correndo desordenadamente, sem o mínimo de consciência em admitir que esse forte calor nos pode ser prejudicial. Não somente quanto aos nossos resultados, mas também no que se refere a nossa saúde.
Podemos ser "doidos por corrida", mas jamais corredores doidos.

Dessa forma, procurei algumas dicas para correr em dias tão quentes e encontrei várias.
Abaixo, transcrevo algumas bem interessantes do curitibano Alexandre Ribeiro, hexacampeão do Ultraman do Havaí, que bem sabe do que está falando.

São elas:

- Beba água sem medo, pois correndo por mais de uma hora seu corpo perderá mais eletrólitos do que consegue repor naturalmente;

- Use filtro solar, sempre;

- Use boné ou viseira de material que permita a fácil evaporação do suor, bem como óculos escuros. Assim, fará um treino físico seguro;

- Considere tomar uma ducha fria antes de começar a corrida. Com isso, seu corpo não esquentará tão rápido;

- Vista roupas adequadas, ou seja, de cores claras e de fácil evaporação do suor. Evite roupas de algodão, que pesam e absorvem o suor;

- Mantenha um ritmo constante durante a corrida. Encaixar um ritmo mais lento do que o usual seria ótimo;

- Focalize manter-se hidratado e com  corpo fresco;

- Cuidado! Se durante a corrida você parar de suar, começar a sentir tonturas, câimbras e tiver dificuldade para correr, para e se hidrate. Esses são os primeiros sintomas da insolação;

- Não tente vencer o calor.

Viram?
Não é nada inovador, mas é a palavra de quem entende do assunto.

Se seguirmos rigidamente essas simples dicas podemos continuar sendo devoradores de km's.

Um forte abraço e bons treinos!

We have to keep running forever!


Imagem e dicas: www.niteroitv.com.br/guia/coluna_ultraman




3 comentários:

  1. Correr com este calor não está fácil mesmo!!!

    ResponderExcluir
  2. bom post , muito boa informação !

    aqui em Portugal , tá um inverno horrivel !! dias seguidos de chuva sem ver o sol , frio e vento !!

    é preciso gostar muito de correr e ter muita força de vontade ! :D

    bons treinos e boas corridas

    abraço de Portugal
    Artur

    ResponderExcluir
  3. Independentemente do clima, temos de continuar em nosso ofício, a corrida.

    Valeu, Dona D!

    Obrigado, Artur! Boas corridas para você também, aí em Portugal!

    Abraços!

    ResponderExcluir

Obrigado por passar correndo por aqui! Deixe sua marca, se quiser.